Prece pelas vítimas do terremoto na China (12/05/08)

Ó grande e compassivo Buda!
No último dia 12 de maio um forte terremoto assolou Sichuan na China levando à morte mais de trinta mil pessoas e deixando desabrigadas e feridas milhares de outras.

Ó grande e compassivo Buda!
Por favor, ouve o brado desesperador dos seres em sofrimento.
Por favor, veja o sofrimento causado pela separação entre pessoas queridas.

Buda! Ó Buda!
Essa tragédia ecoa os gritos da humanidade envolta em trevas!
Essa tragédia é o troar do desespero dos que vivenciam a dor!

Montanhas fenderam-se, o solo partiu-se e quase a totalidade das construções ruiu;
deslizamentos, tempestades e tremores secundários continuaram apavorando tantas criaturas.

Ruas foram inundadas e pontes destruídas além de milhares de casas terem desabado matando e ferindo tantas pessoas.
Cheios de pavor, muitos, são os que se encontram em áreas devastadas.
Tantos outros ainda estão presos em locais de alto risco sem vislumbrar uma saída.

Quantas crianças e jovens foram feridos na escola que ruiu.
Em um só dia, muitos, foram tragicamente separados dos seus entes queridos.

Quanta ajuda e socorro todos eles esperam!
E como necessitam da benção de teus ensinamentos!
Perambulam perdidos, à procura do aconchego de seus lares como um rebanho apavorado à procura de um abrigo seguro.
Alguns foram soterrados enquanto outros ficaram gravemente feridos.

Ó grande e compassivo Buda!
Pedimos a tua proteção para que as vítimas ainda em vida libertem-se do sofrimento e recuperem a saúde;
e aos que se foram, para que renasçam na Terra Pura e elevem-se pelos nove níveis de lótus da Terra de Amitabha.

Ó grande e compassivo Buda!
Faça com que possam compreender,
que prédios são sujeitos ao ciclo da formação, da duração, da deterioração e da extinção, e que somente a natureza búdica é o porto seguro.
Faça com que possam entender que por mais ligados que estejamos aos entes queridos, a morte e a separação são inevitáveis, e que só o “despertar” pode ser a verdadeira guarida.

Ó grande e compassivo Buda!
Pedimos tua proteção aos sobreviventes.
Dá-lhes coragem para seguir adiante, pois vida é esperança;
Dá-lhes coragem para continuar seguindo avante, pois estar vivo é ter força.
Dá-lhes bênçãos, para curá-los das feridas físicas e do sofrimento emocional;
Dá-lhes capacidade de concentração, para transformar as emoções da dor e da tristeza em esperança.
Faça com que possam entender que animando-se e reerguendo o próprio lar é que confortariam aos que partiram e assim alcançarão a própria realização.

Ousamos pedir ainda,
que estes desastres não se estendam mais,
que tragédias como esta não se repitam jamais e que a tua proteção recaia sobre toda a população.
Que todos saibam que nossas vidas são interligadas e que os laços de nossos relacionamentos são construídos pela cooperação.

Atenhamo-nos na prevenção dos riscos do dia-a-dia.
Ajudemo-nos mutuamente, vivendo na paz e atentos aos perigos.

Ó grande e compassivo Buda,
por favor, aceita esta nossa mais sincera prece!

Ó grande e compassivo Buda,
por favor, aceita esta nossa mais sincera prece!

normalcase b04s bsd fwR tsN left show|tsN left fwR b02s uppercase show bsd|left fwR tsN show normalcase|||image-wrap|news c05 b01 bsd|uppercase c05 b01 bsd fwR|b01 c05 bsd uppercase|login news uppercase b01 bsd fwR c15|tsN uppercase c05|normalcase uppercase c05|content-inner||